Você está navegando na categoria: "Viagem"

28
jan
2014

OT Fashion experience: NYFW

Fhits, NYC, patrocinador Fhits, Viagem

Mais uma semana de moda internacional se aproxima e dessa vez quem vai cobrir o fashion week com o Fhits é a Ca. Para dar uma diversificada por aqui, escolhemos NYC como destino do futi! Como vocês sabem, trabalhamos a 4 mãos e estamos mais do que animadas para essa semana que está para começar em alguns dias.

new-york-1

Nosso primeiro post sobre o tema é bem legal e fala de um assunto que podemos chamar de “surpresa muito boa”. Como assim? O Fhits em parceria com a Olive Tree Tours, agência de turismo que levou a Jô para Londres da última vez, bolou um pacote para as pessoas que desejam ir à Nova York durante a semana de moda, juntando diferentes bloggers em diferentes passeios.

Durante a semana, várias programações com diferentes blogueiras vão ser montadas e a gente está morrendo de curiosidade para saber em que momento o futi vai participar! Nova York tem tudo a ver com moda, sendo assim, achamos muito legal montar um plano de viagem que ocorre em paralelo ao NYFW, com uma turma de blogueiras que adora a cidade, ama comprar (assim como boa parte das mulheres) e adora trocar informação de moda, cultura e viagem.

Quem quiser saber mais sobre a OT Fashion Experience – New York Fashion Week, pode entrar nesse link. Lá você pode entrar em contato, orçar a viagem e descobrir um pouco mais do que virá por aí. O que a gente sabe é que terão bate papos sobre tendências, restaurantes deliciosos e visitas especiais (cheias de informações exclusivas) às lojas mais legais. A palavra curiosidade define a gente neste momento, queremos saber tudo que vai rolar!!!! 

new-york-2

E não vai ser só NYC, não! Quem se animou para se juntar às nossas amigas na semana de moda de Paris.

Não vemos a hora de começar a postar sobre a Big Apple, que mesmo debaixo de neve é um destino que a gente curte muito.

ot_fashion_01

** a Olive Tree Tours é uma das patrocinadoras do Fhits na nossa viagem à NYFW.
Para saber como funcionam os posts dos patrocinadores aqui no futi você pode ler o nosso FAQ.
17
jan
2014

Trip tips: Restaurante Místico em Búzios

Brasil, rio de janeiro, Viagem

Durante os dias de #futideférias em Búzios, nós pouco saímos do ritmo de “sombra, drinks e água fresca”. Com a proximidade do Ano Novo, sabíamos que a cidade ficaria lotada, com trânsito e filas, por isso, ficamos em casa a maior parte do tempo. Como ninguém é de ferro, acabou rolando um momento em que interrompemos o ritmo da rotina para conhecer um restaurante que o amigo do Bernardo havia indicado, o Místico, que fica na pousada Abracadabra, do mesmo dono do hotel mais querido da cidade, o Casas Brancas.

VISTA-MISTICOPara começar, não perca seu tempo indo cedo para o almoço ou muito tarde para o jantar. Se você se interessar por esse post, não esqueça de reservar o restaurante/lounge no fim do dia (por volta das 18h no verão e lá pelas 17:oo no inverno). Sem dúvida esse foi um dos pores-do-sol (existe essa palavra? rs) mais lindos, e olha que já vimos vários super bonitos.

fim-do-diapor-do-sol

A vista, a decoração e o clima realmente fazem toda a diferença, mas a comida é gostosa e as entradas são maravilhosas. O custo benefício é bom se levar em conta que você pode ficar por horas lá curtindo a experiência, foi o que fizemos. Chegamos umas 17h e saímos umas 21h, ou quase isso. Foi um fim de tarde daqueles bem gostosos, sabem?

entradas-mistico

Os pedidos da mesa foram os mais variados, mas os mais elogiados foram o “namorado na folha” e o “polvo místico”. As entradas estavam muito especiais, ainda melhores que os pratos. Como estávamos em 6 pessoas, pedidos o “mix de tapas” (que mudam conforme o dia) e a “tábua das delícias” ( tacos de foie micuit à pimenta de aroeira, camembert flambado ao mel e tomilho, chutney de tomates e majericão, marmelada de pimentão amarelo e açafrão, torradas de pão integral com passas e oporto). Para complementar, escolhemos um vinho branco.

Se você está à caminho de Búzios neste verão, leia um pouco mais aqui no Trip Advisor, onde aparece sendo o terceiro melhor restaurante da cidade. Para nós, ele só não é melhor que o Sollar do Chef Danio Braga, que fomos no carnaval do ano passado e acabamos de descobrir que não fizemos post (um absurdo! rs).

E aí, vocês têm mais alguma boa dica de restaurante em Búzios?  

10
jan
2014

Trip Tips: Hotel em Bangkok

Ásia, Tailândia, Trip tips, tt, Viagem

Depois dos posts sobre os dias na Tailândia, um post gigante sobre o Camboja e outro sobre o Vietnã, acabei esquecendo que tinha prometido falar mais sobre o hotel que eu fiquei em Bangkok! Obrigada, Jô, pela cobrança! :)

hotel-1

Na piscina depois de um mergulho!

Quando pegamos as dicas da cidade, várias pessoas indicaram alguns hoteis que são mais conhecidos: Mandarin Oriental (top, mas muito fora do budget que a gente queria!), o The Peninsula (ótimo porque é de cara pro rio e tem sua própria frota de barcos, mas também tava um pouco acima do que a gente queria pagar) e o Banyan Tree, que foi o hotel que a Aline indicou em um trip tips passado!

Opção era o que não faltava e a gente estava bem inclinado em pegar a dica da Aline, até que nos deparamos com o Eastin Grand Hotel Sathorn no Trip Advisor. O preço estava tão bom comparado com os outros que pesquisamos (pagamos 600 e poucos dólares para 5 dias de hotel), que o santo desconfiou imediatamente. Só que dando uma olhada nos reviews, todo mundo estava elogiando a localização e uma das dicas que mais ouvimos dos amigos era que, em Bangkok, um hotel bem localizado tem muito mais luxo do que aquele que abriga um SPA maravilhoso ou um restaurante com chef renomado. Mesmo com o pé atrás, fechamos o hotel com um feeling que a gente tava fazendo a coisa certa.

hotel-3

A piscina do hotel!

Bem, se eu resolvi falar só dele, é porque de fato fizemos a coisa certa, né? Nós amamos o hotel! Novo, bem decorado, café da manhã caprichado (incluso na diária), com funcionários simpáticos e uma piscina fenomenal. Aliás, a área da piscina é ótima. Tem um bar que você pode pedir comidinhas e bebidas e o Luce, um restaurante italiano que nos surpreendeu! Resolvemos conhecê-lo no segundo dia, estávamos exaustos do passeio que durou o dia inteiro e nem cogitávamos sair mais do hotel. Foi uma escolha conveniente que deu muito certo!

hotel-4

hotel-2

Pedindo drinks na piscina!

O grande trunfo do Eastin, porém, é o acesso fácil ao BTS. De fato, esse foi o maior luxo da viagem porque Bangkok tem um trânsito assustador. E olha que eu moro em São Paulo. Nós não pisamos na rua, mas toda vez que atravessávamos a passarela para entrar no BTS e víamos a quantidade de carros parados e luzes acesas, a gente dava graças a Deus por ter escolhido esse hotel. Se a gente saía às 7 da manhã, tava tudo parado. Se a gente chegasse no hotel às 23:00, tava tudo parado. E, se bobear, eram os mesmos carros que vimos pela manhã (#exageros). Fizemos tudo com o BTS, inclusive, quando planejamos passeios para áreas mais distantes, a gente pegava o metrô, saltava na estação mais próxima do local e pegávamos um taxi ou tuktuk dali.

hotel-6

Foto de look no BTS

Uma das dicas que nos deram era para ficar perto do rio, por causa das atrações (os templos principais, por exemplo). Estávamos perto, mas não tanto. Mais uma vez, o BTS acabou nos salvando, porque em uma estação a gente já saltava no deque para pegar os barcos.

Já fiquei em hoteis baratos por pura muquiranice e quase sempre saí arrependida. Mesmo pagando pouco, sentia que estava perdendo dinheiro ali, sabem? Esse não foi o caso do Eastin. Ao contrário, até…. Além de ter feito uma economia muito boa (que foi toda para o hotel de Ko Phi Phi! rs), senti que meu dinheiro foi muito bem aproveitado!

vista

A vista do quarto!

Quem está afim de um hotel com custo benefício muito, muito bom, pode ir nessa minha dica que não vai ter erro!

Beijos!

Carla